Guiné-Bissau poderá ir a eleições mas só em 2014

O Fórum dos Partidos Políticos da Guiné-Bissau, que apoiam o governo de transição, defendeu, este fim-de-semana, a realização de eleições no país mas só em 2014.

As eleições deveriam ocorrer até Maio deste ano, findo o ano de transição no país, mas o fórum defende agora que o programa das eleições “deve ser extensivo ao ano de 2014”.

Em comunicado, os partidos lembram que a época das chuvas começa em Maio e prolonga-se até Outubro, pelo que, nessa altura, não é possível levar a cabo o recenseamento eleitoral.

Os partidos perguntam, ainda, quando estará disponível o financiamento externo para as eleições e reitera a defesa da criação de uma Comissão Multipartidária e Social de Transição.

A comissão deverá juntar partidos, sociedade civil e castrense (militar), além de órgãos de soberania e parceiros internacionais, de forma a haver um “consenso nacional” e a que situações de instabilidade possam ser evitadas de futuro.

via Guiné-Bissau poderá ir a eleições em 2014.

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s