Ditadura do Consenso: ESPANCAMENTOS: Mais um acto bárbaro

Ontem à noite, um cidadão guineense de nome Luís Ocante da Silva, funcionário da Guiné Telecom, viu a sua casa invadida por um grupo de militares. “Foi retirado violentamente da sua casa, e em cuecas, e conduzido, presume-se, para o Estado-Maior General das Forças Armadas”, contou uma testemunha. Segundo informações confirmadas pedo DC, em Bissau, Ocante da Silva terá sido brutalmente espancado. Até a esta hora, os familiraes nao conseguem obter nenhuma informação acerca do seu paradeiro, nem do seu estado de saúde. Luís Ocante da Silva, apurou ainda o DC, é um amigo do círculo íntimo do ex-Chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas, José Zamora Induta. AAS

via Ditadura do Consenso: ESPANCAMENTOS: Mais um acto bárbaro.

4 comments

  1. Morreu o Luís Ocante da Silva por causa do espancamento dos militares criminosos que temos no país e mais pior ainda impediram os familiares de levar o corpo da vitima para fazer a cerimonia funebre em casa. Que vergonha. Tudo por causa da montagem de falso assalto ao aquartelamento da Base Áerea uma das mentiras mais patetica que o mundo viu.

  2. A historia do assalto ao aquartelamento da Base Aerea, foi uma iventona. Porque, todos os guineenses hoje em dia estao cientes, e fartos dessa palhaçada dos nossos incompetentes, militares. E dos politicos com fome de chegar ao poder, têm que se encostar nos elos fracos (militaes), mas como sâo parvos, invergonhosos,……

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s