via gbissau.com: Governo transição vai organizar conferência quadros da diáspora em Setembro

Bissau (Lusa, 09 de Agosto de 2012) – O Governo de transição da Guiné-Bissau anunciou hoje vai organizarno próximo mês de setembro a primeira conferência de quadros guineensesradicados na diáspora.

Em declarações à agência Lusa, Idelfrides Gomes Fernandes, secretário de Estado das Comunidades guineenses, instituição afeta ao ministério dos Negócios Estrangeiros referiu que aconferência juntará 60 guineenses oriundos de África, Europa e América.

O encontro deverá decorrer de 20a 24 de setembro, dia da independência da Guiné-Bissau. Todas as despesasdos participantes, desde viagem, alimentação e estadia, serão custeadas pelo Governo de transição, acrescentou Idelfrides Fernandes.

“Nós achamos que temos quedar muita atenção à diáspora guineense. A diáspora constitui uma preocupação deste Governo. Achamos que devemos organizar uma conferência, aqui em Bissau para debatermos questões que afligem a diáspora e também ouvir as preocupações dessas pessoas em relação ao país”, disse o secretário de Estado das Comunidades.

Sob o lema “Nô Pensa Diáspora”- pensemos a diáspora, em crioulo – a conferência também servirá para o Governo de transição homenagear “aqueles guineenses que se destacaram na emigração”, acrescentou Idelfrides Fernandes.

O governante precisou que a conferência também será palco para uma discussão sobre a forma que possa levar o Governo a entender como poderá criar condições para que a diáspora possa participar nas próximas eleições simultâneas do país.

“Já tivemos dois processos eleitorais em que a diáspora não participou, isso é complicado. O Governo de transição quer resolver esta questão dando oportunidade aos guineenses na diáspora para que possam participar nas próximas eleições gerais do ano que vem”, indicou ainda Idelfrides Fernandes.

O secretário de Estado das Comunidades guineenses precisou que os convites serão dirigidos às associações de emigrantes na Gâmbia, Senegal, Cabo Verde, Guiné-Conacri, Marrocos, Portugal, França, Espanha, Luxemburgo, Inglaterra, Suíça, Holanda, Brasil e Estados Unidos.

Serão as associações que irão indigitaros seus representantes para a conferência.

via Governo transição vai organizar conferência quadros da diáspora em Setembro.

Anúncios

2 comments

  1. É muito lovavel este pricipio. Eu agradeço no fundo do coração os autores desta brilhante ideia., que se calhar servira do ponto de partida em busca dum Guiné melhor do seculo XXI. Aqui no estrangeiro há muitos talentos com ideias muito divercificadas no que diz respeito aos planos e projetos base do desenvolvimento.
    Aproveito desde já advirtir os meus irmãos das FA de que o comprometimento do avanço da Guiné-Bissau esta inteiramente da responsabilidade deles. chega de imiscuir no poder civil…

  2. Con os senhores das armas e um secretario de estado de um governo ilegal?por favor deixem os guineenses en paz,que dá até vergonha dizer aqui na diaspora que somos guineense,por causa da gente como o elenco deste golpista Nhamadjo Kumba Ndja etc….governo.por favor senhor secretario de estado preocupa-te com muitas coisas que estao a pasar la.

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s