UDEMU vê-se proibida de realizar marcha pacífica em Bissau | GBISSAU.com

Bissau, (Fonte: Bombolom-FM) – A União democrática das mulheres do PAIGC (UDEMU) viu-se quarta-feira proibida de realizar uma marcha pacífica na capital guineense, Bissau.

A abortada marcha pacífica deveria culminar com a entrega de uma carta de protesto ao representante residente da CEDEAO na Guiné Bissau.

Mesmo assim, a proibição da marcha não impediu a que essas mulheres realizássem um comício na sede nacional do PAIGC, sita no centro da cidade.

A líder da UDEMU, Maria Evarista Sousa, não pôde conter a sua indignação face a proibição da marcha pacífica pelo governo e apelou a comunidade internacional para estar atenta ao desenrolar da situação.

“Nós decidimos fazer esta marcha para levarmos uma carta de protesto à CEDEAO e não tivemos resposta. Nós tentamos cumprir, embora não reconhecermos este governo;, e nunca, ‘jamais’ vamos reconhecer este governo. Porque a CEDEAO veio pisar o coração do povo da Guiné Bissau, isto o povo guineense não vai aceitar”, acentuou.

Evarista Sousa foi mais longe a dizer, citamos: “nós, por respeitarmos a constituição, tinhamos mandado uma carta a pedir a garantia de segurança. Nós sabemos que a nossa constituição da República nos concede esse privilégio de fazermos manifestações. O que é que eles nos responderam? Eles nos disseram que não podíamos passar perto das sedes dos partidos políticos. Nós concordamos e mandamos-lhes o nosso itinerário. E eles voltaram a dizer que nós deveríamos entregar a carta informando da realização da marcha 48 horas antes e pedindo garantia de segurança, tudo para se evitar atos de vandalismo (nós não o somos). Mas eles disseram que a entrega devia ser feita 4 dias antes. Então, nós rogamos-lhes que revejam a constituição”, explicou ela.

“Há quem diga que este governo atual é composto de estagiários. ‘É ka panha pé’, (melhor), não sabem nada. Mas, não é isso que nos vai fazer desistir. Rogamos aos organismos internacionais, principalmente, as Nações Unidas, a União Europeia, a União Africana, CPLP para que não nos deixem assim. Que vejam a forma como a nossa liberdade nos está a ser proibida”, concluiu Evarista Sousa.

A também dirigente da UDEMU e militante do PAIGC, Teodora Inácio Gomes, referiu que, dos pontos constados da carta que iam remeter à CEDEAO, elas esperavam ouvir essa organização sub-regional sobre a concordância dos membros da organização feminina do PAIGC com a condenação do golpe de estado de 12 de abril pelas Nações Unidas que também defendeu o retorno à normalidade constitucional na Guiné Bissau.

A Conceição Vaz, que falou em nome das mulheres dos partidos políticos que apoiaram a candidatura de Carlos Gomes Júnior nas eleições de março último, instou a comunidade internacional para pressionar e fazer valer a resolução das Nações Unidas referente ao retorno à ordem constitucional no país.

“Eu represento as mulheres dos partidos políticos que apoiam a candidatura de Carlos Gomes Júnior. Nós continuamos a aguardar que, a todo o momento, pode haver a segunda volta. Nós esperamos pela segunda volta. Eu penso que a presença de Desejado Lima da Costa na CNE visa reaorganizar a segunda volta, essa é que é a nossa esperança. Nós, da população, só consideramos certo aquilo que tiver saido das urnas. É chegado o momento para aqueles que haviam votado na primeira volta retornem às urnas para elegermos um Presidente da República que represente o país (no exterior) a 100%”, defendeu.

mesmo com esta proibição de marcha, a UDEMU promete proceder á entrega da sua carta de protestos ao representante da CEDEAO no país numa data a indicar.

via UDEMU vê-se proibida de realizar marcha pacífica em Bissau | GBISSAU.com.

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s